Imagem de topo
FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE NATURISMO

Protocolo Centro Vegetariano

logo

Federação Portuguesa de Naturismo oferece desconto de 25% na emissão/renovação do Cartão naturista Internacional (CNI), emitido directamente pela FPN, aos sócios do Centro Vegetariano com as quotas em dia.




Sobre a Federação Portuguesa de Naturismo

QUEM SOMOS

A FPN - Federação Portuguesa de Naturismo fundada a 1 de Março de 1977, representa em Portugal a INF / FNI - Federação Naturista Internacional.

O CNI - Cartão Naturista Internacional emitido pela FPN válido em todo o mundo, permite descontos em espaços naturistas em Portugal, nas entidades com protocolos e no estrangeiro, garantindo ainda o acesso de pessoas singulares em determinados espaços fora de Portugal.

NATURISMO

O Naturismo é uma forma de viver em harmonia com a Natureza caracterizada pela prática da nudez social, com o propósito de favorecer a auto-estima, o respeito pelos outros e pelo meio ambiente. Tal como é mencionado nesta definição da Federação Naturista Internacional, o Naturismo consiste na prática da nudez num meio social e procura o bem estar resultante da partilha do nosso corpo com os elementos naturais. Afinal, se pensarmos bem, que mais natural e agradável poderá existir que o prazer da liberdade corporal no contacto integral com a água, o ar e na exposição solar.

UM MOVIMENTO LIVRE E NATURAL

Redescobrir o prazer de viver em harmonia com a natureza, dando ao nosso corpo e à sua componente sensorial o seu justo lugar no contexto na nossa vida, longe de clichés e fantasmas, é um dos objectivos da prática naturista. A nudez é parte de um todo, de uma vida mais natural, onde a tolerância, o respeito pelos outros e o meio ambiente ocupam um lugar de destaque. O Naturismo distingue-se de outros movimentos eco-ambientalistas, porque igualmente nos colocamos nus uns com os outros, e assim convivemos de forma natural e integral, nada nos dividindo ou separando da verdadeira natureza humana. A nudez é, para nós, um direito humano universal, elementar e fundamental, já que é nesse estado que nascemos e nele somos livres e iguais. De contrário, o uso de vestuário é que deve ser entendido como um direito à diferença que, aliás, respeitamos.

Assim, “ Dignificar a Nudez ”, surge como um dos grandes objectivos do movimento naturista.

UMA NUDEZ COLECTIVA E FAMILIAR

Para os naturistas, a nudez vive-se colectivamente: homens, mulheres, adultos, jovens, crianças ou idosos, não importando a raça, a forma, etc. A vivência comum e inter-geracional facilita a compreensão e a aceitação das diferenças e da evolução natural da vida, favorecendo a harmonia e a auto-estima, libertando todos, de complexos e/ou obsessões relacionadas com o corpo. Afinal de contas “todos somos diferentes e, ao mesmo tempo, todos somos iguais”.

Toda a informação nas nossas paginas